Segunda-feira, 22 de Maio de 2006

Verdade ou Consequência?

Verdade ou consequência, o jogo para hoje. E eu quero saber tudo: quantas noites em claro, quantas outras esqueceste, que fantasias tiveste, apenas por pensares em mim, mesmo que tenhas pensado pouco. Não vale mentir, caso em que terás tarefas cronometradas e difíceis de cumprir, praticamente impossíveis, como ocupares-te de todos os recantos do meu corpo com a inevitabilidade apertada da hora de ponta e depois deixares-me ir. Dizes-me que a verdade é preferível, não é por mais nada, mas apenas porque, depois, não conseguirias deixar-me ir, e eu sorrio porque sei que mentes e apetece-me dar-te uma ordem ainda mais irrealista, sei lá, por exemplo, atira-te ao rio. Finjo que acredito e continuo a tentar saber-te: o que te apetece dizer nos instantes em que nos despedimos, se ainda me cobiças os lábios pelo canto do olho e se já esqueceste o meu cheiro.

publicado por fartodotrabalho às 13:59
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De bmal a 23 de Maio de 2006 às 23:00
"Encaro as horas que passo contigo como um género de jardim perfumado, e uma fonte a cantar..." Amar, Faz-Nos Sentir Vivos. Sentes a força a corrente?
"Só me inveja de quem bebe a água em todas as fontes".Que Sede de Sentimentos...
"De outros homens diz-se terem visto Anjos, mas Eu vi-Te, e Tu és o bastante".


De MalucaResponsavel a 23 de Maio de 2006 às 22:46
Gstei das palavras q nem parecem escritas por ti, na tua inconstancia de sentidos e sentimentos, sp levado ao sabor da brisa, da correneza que corre e te transporta, e tu que te deixas ir, em esforços de nadar contra a corrente, a favor daquilo q realmente qrs e nem conta dás...


De tascas a 23 de Maio de 2006 às 21:46
Ora cá temos o grande Mestre num grande momento de inspiração.........


De MoonLight a 23 de Maio de 2006 às 08:08
Hum! Tanto amor no ar! Que bom sentir-te assim, amigo! Força! Sejam felizes! Bjs de Luz


De douradinha a 22 de Maio de 2006 às 15:33
Nunca se esquece quem se gosta. Se queremos ouvir a verdade que tarda em chegar, escapamenos a um recanto solirário para que a brisa nos confidencie os pensamentos mais escondidos, para sentirmos o sussurro entrar em nós e nos diga que não nos esqueceu, que continuamos a ser fantasias longínquas ou não, mas sabemos que ainda somos presença no pensamento de alguém.


De atrevido a 7 de Janeiro de 2008 às 19:09
este texto foi plagiado daqui: www.umamoratrevido.blogspot.com. O texto original encontra-se protegido por direitos de autor. Ou indica a autoria e proveniência do mesmo ou apaga-o. caso contrário, sofrerá as devidas consequências legais.

Cumprimentos,

a.


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Engates recentes

. Near the end...

. Quando eu te falei em Amo...

. Outra vez natal...

. As coisas boas da Vida

. Quero-te aqui

. The Wall

. Ouvir o Silencio

. Eu vou...

. Cantas Comigo???

. Cadeira Horrível!!!

.Engates Passados

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.A música do fim de semana




.Número de Engates

financial advisor
financial advisor Counter